Por que fatos incontáveis ​​da biografia

Para os fãs de futebol, ler sobre a biografia de jogadores de futebol geralmente influencia, motiva e incentiva. É por isso que existem nossos fatos da Biografia não contada do futebol!

O futebol como o conhecemos pode nunca entrar em extinção. Embora a maneira com a qual o jogo é jogado tenha evoluído ao longo dos anos, as fascinantes histórias que ele nunca deixa de gerar ressoariam nas memórias dos fãs de futebol por gerações.

As histórias que giram principalmente em torno de jogadores, gerentes e elite do esporte são emocionantes, tocantes, impressionantes e, é claro, qualquer adjetivo positivo que leitores, ouvintes e telespectadores possam invocar para descrever os sentimentos evocativos que essas histórias estabelecem em suas mentes.

O Lifebogger apresenta histórias emocionantes sobre jogadores de futebol, gerentes e elite.
O Lifebogger apresenta histórias emocionantes sobre jogadores de futebol, gerentes e elite. Créditos da Imagem: LB.

Um fator importante que torna as histórias evocativas reside no fato de que elas não passam despercebidas pela atenção de plataformas digitais profissionais como Lifebogger que se especializa na arte literária e nobre de escrever biografias centradas no futebol.

At Lifebogger, nos orgulhamos de ser a fonte digital profissional de histórias de futebol verdadeiras e não contadas, que são parte integrante das biografias interessantes que apresentamos sobre os gênios do futebol e a elite em todo o mundo.

O Lifebogger é uma fonte digital completa de histórias reais de futebol.
O Lifebogger é uma fonte digital completa de histórias reais de futebol. Crédito de imagem: LB.

Resumidamente, este artigo tem como objetivo dar ao nosso público uma idéia abrangente do que fazemos, apresentando fatos biográficos incontáveis ​​ou menos conhecidos de jogadores de futebol, gerentes e elites sob títulos que produzem boas leituras.

Por que histórias da infância - Gerentes de futebol que não jogaram futebol profissional

O futebol nunca deixa de surgir exceções às crenças e noções populares. Uma dessas noções postula que indivíduos que nunca jogaram futebol profissional não podem - na pior das hipóteses - se tornarem gerentes de futebol ou - na melhor das hipóteses - se saem bem em capacidades gerenciais.

Assim como as crenças acima estavam aparentemente se tornando fatos científicos estabelecidos, Maurizio Sarri surgiu do nada para começar sua carreira de treinador nos 1990s com o menor clube da liga AC Sansovino enquanto Andre Villas-Boas começou como treinador adjunto no Porto no final do 1990's.

Andre Villas-Boas e Maurizio Sarri não jogavam futebol em nível profissional antes de começarem a treinar.
Andre Villas-Boas e Maurizio Sarri não jogavam futebol em nível profissional antes de começarem a treinar. Créditos da imagem: WAGNH.
Por que fatos não contados da biografia - Jogadores de futebol que tiveram contendas com gerentes

Feudos são quase impossíveis em esportes coletivos, especialmente no futebol, onde as ações dos jogadores são influenciadas pelo “calor do momento”. Enquanto os confrontos ocasionais ou o comportamento agressivo que os jogadores exibem contra seus oponentes são descartados como “condutas profissionais” táticas, o mesmo não pode ser dito quando os gênios do futebol esquentam seus gerentes.

Os torcedores do Barcelona não esqueceriam rapidamente a longa disputa entre o ex-técnico do clube Pep Guardiola e encaminhar Zlatan Ibrahimovich com o último relatando que Guardiola só falou com ele duas vezes nos meses 6. Em uma disputa mais complicada, os fãs do Real Madrid estavam divididos entre apoiar Iker Casillas or José Mourinho quando a dupla teve uma repercussão sobre o que o treinador considerou uma traição pelo goleiro espanhol.

Zlatan Ibrahimovich e Iker Casillas, ambos tiveram brigas há muito tempo com seus gerentes.
Zlatan Ibrahimovich e Iker Casillas tiveram uma longa e amarga disputa com seus gerentes. Créditos da Imagem: LB.

Além disso, poucos se lembram que David Beckham atitude dominadora no Manchester United uma vez liderou o então treinador Alex Furgeson chutar uma bota no astro. O calçado acertou Beckham no rosto, um incidente que catalisou sua eventual mudança para o Real Madrid no 2003.

Por que fatos não contados da biografia - Jogadores de futebol com mais cartões vermelhos

Os culpados nesta categoria variam de defensores duros a reforços do meio-campo, além de jogadores elegantes que têm propensão à violência e demonstram agressividade com a menor provocação. Como resultado, eles têm registros disciplinares terríveis, certificados por litanies de cartões vermelhos.

Para começar com zagueiros difíceis, Sergio Ramos está no topo da tabela, pois possui o maior número de despedidas na história da Liga. Embora aposentado, Steven Gerrad está entre os meio-campistas mais vermelhos que desceram o túnel de Anfield para tomar banho cedo.

Steven Gerrad e Sergio Ramos estão na classificação mais alta da lista de jogadores expulsos.
Steven Gerrard e Sergio Ramos estão na classificação mais alta da lista de jogadores expulsos. Créditos da Imagem: LB.

Avançando, temos Diego Costa cujo estilo agressivo de jogo nunca deixa de colocá-lo em apuros com os árbitros aonde quer que ele vá. Na verdade, ele é percebido como um acidente esperando para acontecer sempre que ele tenta recuperar a posse dos defensores.

Por que fatos não contados da biografia - Jogadores de futebol poliglotas

Longe de investir muito em treinamento para dominar a arte da jogabilidade, alguns jogadores se esforçaram para agradar os fãs, aprendendo o idioma de suas comunidades. O esforço não apenas fez com que os gênios do futebol se aculturassem melhor dentro de sua comunidade, mas também os posicionou como favoritos para funções administrativas na aposentadoria.

Sem muito barulho, jogadores que conhecem tantas línguas incluem goleiro Peter Cech quem além de seu país natal, o tcheco, fala espanhol, alemão, francês e inglês. Da parte dele, Henrikh Mkhitaryan fala fluentemente armênio, português, francês, italiano, russo, inglês e alemão.

Por último, mas definitivamente não menos importante é Romelu Lukaku que prova ser a personificação perfeita de um “hiperpoliglota enquanto ele fala nada menos que as línguas 8. Eles incluem francês, lingala, holandês, Bélgica, congolês, suaíli, espanhol, inglês, português e alemão.

Romelu Lukaku, Henrikh Mkhitaryan e Peter Cech são poliglotas impressionantes no futebol.
Romelu Lukaku, Henrikh Mkhitaryan e Peter Cech são poliglotas impressionantes no futebol. Créditos da Imagem: LB.
Por que fatos não contados da biografia - Jogadores e gerentes de futebol que adquiriram o ensino superior

Da maneira que alguns gênios do futebol imaginam, a participação ativa no futebol não inibe a obtenção de grandes alturas acadêmicas, uma ideologia produtiva que os levou a se matricular em diplomas universitários e a se formar após a conclusão de seus programas.

Jogador italiano Giorgio Chiellini está no topo da lista para se formar na Universidade de Turim com um Mestrado em Administração de Empresas. Para Juan Mata, ter dois graus - um em marketing e outro em ciência do esporte - não é apenas o suficiente. Ele tem interesse em estudar psicologia no momento da redação.

Na categoria gerentes, você sabe que Frank Lampard é formado em latim enquanto Vincent Kompany possui mestrado em administração de empresas pela Alliance Manchester Business School? De fato, os jogadores de futebol podem não ter uma reputação de inteligência, mas os jogadores e dirigentes mencionados contribuíram imensamente para mudar a narrativa.

Cérebros com talentos. De LR Giorgio Chiellini, Vincent Kompany, Frank Lampard e Juan Mata
Cérebros com talentos. De LR Giorgio Chiellini, Vincent Kompany, Frank Lampard e Juan Mata, Créditos da imagem: LB.
Por que fatos não contados da biografia - Proprietários mais ricos do clube

A Premier League inglesa tornou-se um playground para bilionários que compram clubes e gastam dinheiro à esquerda, à direita e ao centro. No que diz respeito à Europa, o proprietário mais rico do clube no momento em que escrevi é Sheikh Monsour, o homem que comprou a cidade de Man.

Conheça Sheikh Monsour- O proprietário do clube mais rico da Inglaterra
Conheça Sheikh Monsour- O dono do clube mais rico da Inglaterra. Crédito para Guardião & EUnd

Além de dono de clube, Sheikh também é membro da realeza dos Emirados e vice-primeiro ministro dos Emirados Árabes Unidos, ministro de assuntos presidenciais e membro da família real de Abu Dhabi. Ele é o meio-irmão do presidente dos Emirados Árabes Unidos, Khalifa bin Zayed Al Nahyan.

Depois que o homem mais rico do futebol vem Joseph Joe Lewis um bilionário britânico não popular que é o dono do Spurs.

Joe Lewis, proprietário do Spurs é um dos homens mais ricos do Reino Unido
Joe Lewis (à esquerda), proprietário do Spurs, é um dos homens mais ricos do Reino Unido

Você já ouviu falar de Danial Levy, mas Joe Lewis é o homem por trás do Spurs e quem nomeou Levy como presidente do clube.

Finalmente é Roman Abramovich, que é mais conhecido fora da Rússia como dono do Chelsea FC. Ele é indiscutivelmente o homem que transformou o Chelsea de um time da Premier League em um gigante europeu.

História da Infância de Abramovich, mais incontáveis ​​fatos de Biografia por LifeBoggerPara a maioria dos fãs do Chelsea na Inglaterra e no mundo, Abramovich provou que é possível comprar felicidade.

VERIFICAÇÃO DE FATO: Obrigado por ler os nossos Por que incontáveis ​​fatos da biografia. At LifeBogger, nós nos esforçamos para precisão e justiça. Se você encontrar algo que não parece certo, por favor, compartilhe conosco comentando abaixo. Sempre valorizaremos e respeitaremos suas ideias.

Carregando ...